sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

BrainDance Exclusive #31: Rui Vargas [Live @ Quinta dos Lagares 01 de Junho de 2003]


Há umas semanas, andava eu a remexer nas minhas 'coisas velhas', e encontrei um saco cheio de Mini-Disc's juntamente com o respectivo gravador. Grande parte dos discos contêm gravações de sets de DJ's que actuaram nos eventos promovidos pela Elements, promotora de Coimbra na qual tive o prazer de trabalhar com o meu amigo José Maia e que, entretanto, estamos a tentar redinamizar.

Um DJ que por várias vezes tocou nos nossos eventos e que para nós sempre reflectiu na perfeição o espírito que pretendíamos para o tipo de eventos que organizávamos foi (e é) o Rui Vargas, alguém com a mente aberta, com um bom gosto fora do comum, que está sempre na vanguarda da música electrónica mas que nunca ignora o passado e que põe muita paixão naquilo que faz.

Há um episódio que retrata na perfeição a relação entre o Rui Vargas e o público que, de norte a sul do país, acorria a estes eventos, se não estou em erro decorrido até no dia desta gravação, em que um fantástico dia de verão termina com uma inesperada chuvada ao cair da noite, o Rui estava mais ou menos protegido por uma tenda e no recinto havia vários chapéus de sol e árvores que serviam para abrigar do sol e calor quem estava. Escusado será dizer que tudo virou protecção para a chuva e que esta ao contrário do desejado não parou... ninguém arredou pé, o ambiente estava magnífico e a música a condizer, num daqueles momentos de comunhão perfeita entre todos os presentes. A dado passo começa a gotejar fortemente junto do material de som e nós preocupados alertámos o DJ e o seu manager para o possível perigo da situação. A resposta que obtivemos do Rui foi algo do género: "não se preocupem quando apanhar um choque, eu paro".

Voltando à gravação, encontrei-a, ouvi-a uma, duas e três vezes e fiquei impressionado como ao final de seis anos não soa datada e é até um magnífico registo histórico do melhor som que se produzia e dançava à época. Como a gravação foi obtida segundo determinadas premissas, nomeadamente a de não a partilhar com mais ninguém, tive o cuidado de a converter e de pedir a devida autorização antes de a poder começar a espalhar pela net, facto pelo qual deixo aqui um enorme muito obrigado ao Rui Vargas, até porque não são muitos os sets dele a circularem na net.

Eu gostei imenso de fazer esta viagem no tempo e penso que muitos outros também gostarão de a fazer pelo que era um desperdício o respectivo Mini-Disc continuar a acumular pó. Aqui fica o live set do Rui Vargas na Quinta dos Lagares, em Coimbra, na tarde de domingo dia 01 de Junho de 2003.



Download

5 comentários:

João Perdigão disse...

eishh! que perola!

Anónimo disse...

boa lembrança... :))
vou ouvir.. thanks.. sol

Antonio Fernandez disse...

grande...e o sets do mare???? :)

prof. antónio alves disse...

MUITO, MUITO obrigado por esta gravação! Que recordações tão boas!!!!

mujeres disse...

Muito bom aspecto! Simples, como eu gosto.