quarta-feira, 10 de outubro de 2007

High Contrast - Tough Guys Don't Dance



High Contrast ou Lincoln Barret, de seu nome verdadeiro, oriundo de cardiff no País de Gales é uma dos produtores mais estimulantes na actualidade da cena drum'n'bass e um dos que mais luta contra o estado amorfo em que esta cena parece querer cair. "Tough Guys Don't Dance" (Hospital Records) é o seu terceiro álbum de originais, sucessor de "True Colours" (2002) e "High Society" (2004) e do mix cd da prestigiada série patrocinada pelo famoso club londrino Fabric "Fabric Live 25" (2005).

High Contrast é também um requisitado remisturador, já tendo feito remixes para Missy Elliot's "We Run This", The Streets "Has it Come to this" e White Stripes "Blue Orchid".

Neste seu terceiro disco de originais, e como é seu hábito rodeia-se de aguns nomes sonantes como a cantora jazz Ian Shaw, a diva do soul Diane Charlemagne e da cantora country Linda Gale-Lewis (irmã de Jerry Lee Lewis). Este álbum inclui uma remix de um clássico do drum'n'bass "In-A-Gadda-Da-Vida" de Iron Butterfly.

Quanto ao disco uma única palavra: viciante. Ouçam:



MySpace | Bio @ Hospital Records | Wikipédia | Discogs | Last.fm

1 comentário:

LSF disse...

Antes de mais nada: O blog ta no feed!hehe
O review do disco ficou muito bacana, o disco novo do nu:Tone é algo mais espacial, enquanto este soa mais "soul", caracteristico do high contrast que sempre faz produções de remixes das abtigas...
me atrevo a completar que In-A-Gadda-Da-Vida é original de um grupo de rock dos 70's.
Longa vida ao d'n'b e claro, ao Barret tambem.